domingo, 17 de fevereiro de 2019

Marmita #2 - A lista de compras


Como já partilhei alguma vezes em diversas publicações, estabeleci como objectivo para 2019 reduzir significativamente (ainda não na totalidade, nem sei se vai acontecer) o consumo de carne. Como tal comecei por me obrigar a levar marmita para o trabalho, coisa que para mim sempre foi impensável uma vez que adoro (adoro mesmo!) a comida da cantina da empresa, abro algumas excepções para pratos que não resisto mesmo mas no geral tenho levado marmita todos os dias. 

Utilizo todas as técnicas que anteriormente partilhei com vocês: faço uma lista restrita de compras e programo mais ou menos o que vou comer durante a semana. Não consigo (nem gosto) preparar tudo ao domingo porque a meio da semana já não me apetece nada do que tinha pensado antes, por isso todas as quartas vou às compras para as marmitas de quinta e sexta.

Da minha lista de compras faz parte:
Tofu - tenho experimentado várias marcas, com diferentes sabores, fumado... O que mais gosto é tofu normal grelhado com azeite e temperado com especiarias tipo paprica, noz moscada ou caril.
Ovos - compro sempre ovos de galinhas de solo e são mesmo indispensáveis.
Queijos de todos os tipos e feitios - se há coisa de quem ainda nem me passou pela cabeça abdicar é queijo, sou a verdadeira cheese lover. Aqui incluo tambem queijinhos da Vaca que Ri que levo para lanches.
Iogurtes - costumo comer sempre um iogurte grego natural a meio da manha com alguns frutos secos.
Leguminosas - Aqui também se inclui todos os tipos de feijão e grão-de-bico.
Legumes e Fruta - Em doses industriais! Legumes de todos os tipos e feitios, para saltear, assar, cozer ou comer crus, e fruta boa da época para levar na lancheira. Abacates e mais abacates já agora!
Cogumelos - Adoro cogumelos e como já devem ter reparado uso imenso em diversos pratos. Costumo comprar sempre cogumelos frescos, depois lavo bem inteiros, deixo secar num escorredor por umas horas, limpo bem com papel absorvente, lamino e congelo em pequenos saquinhos. 
Marinheiras - Ter alguma coisa crocante para trincar quando aperta a fome é essencial para mim e na realidade adoro marinheiras. Então com os queijinhos da vaca que ri... :) 

Trazer uma embalagem de massa folhada já é uma fuga ao essencial mas também costumo ter pelo frigorifico. Assim como douradinhos de pescada ou de legumes, dão jeito para desenrascar quando não ha tempo. Verifico sempre se tenho stock de quinoa, trigo sarraceno, arroz integral, massas integrais e frutos secos, se não tiver suficiente fazem também parte da lista. 

Enfim... Estas são algumas das minhas escolhas, brevemente partilho mais com vocês :)

Sem comentários:

Enviar um comentário


Copyright © Joana Ventura, Na Cozinha com a Joana